sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Crescer...

"Só a dor te faz crescer, mas a dor deve ser enfrentada cara a cara, quem foge ou se compadece de si próprio está destinado a perder."
Susanna Tamaro

Sinto hoje que não há mais o que escorrer dos meus olhos... sinto que a tristeza que me invade não mais move um pranto tantas vezes repetido... mais uma derrota, mais um buraco no meu caminho, e elas não me acompanham mais! Sinto que as lágrimas me abandonaram mas não para sempre, hoje não me emociona mais a perda e a derrota como outrora. Hoje, porém é a felicidade de um abraço inesperado, de um gesto de carinho maior e mais profundo que me rega os olhos e os faz inchar.

Um dia disseram-me que só é varejada a árvore de onde se esperam mais frutos... Cada vergastada a mais, sulca e expõe a seiva que me percorre, mas hoje, apesar da dor, exponho com orgulho cada cicatriz, sinal de que vivi, que colei, que recomecei.
Abre-se hoje, de novo, o chão que me envolve. Dói mas não choro mais pela perda, pelo que me sulca a alma. Hoje emociona-me olhar e sentir os que me acariciam o rosto e me pegam ao colo.
OBRIGADA a vós pais, irmãos, tia e prima, a ti M., a ti J., a ti P., a ti F.... profundamente obrigada!

9 comentários:

trapos e companhia disse...

Olá, gostava de convidar-te a conhecer o meu blog.
É um blog de venda de roupa calçado e acessórios de moda.
É um sítio onde podes encontrar tudo o que uma mulher gosta, a preços muito em conta. Com oferta dos portes de envio para encomendas de valor igual ou superior a 10€. Aprovei-ta e boas compras.
http://trapos-companhia.blogspot.com/

Marlene Fernandes disse...

minha querida abraço para ti no meu desarrumado

beijinhos

Abraço-te disse...

Espero que a dor se tenha afastado, e pronta para continuar.
E que não tenha sido uma despedida...


Abraço-te

made in ♥ love disse...

Embora Susanna tamaro tenha toda a razão as vezes podia ser um pouquinho mais fácil...

Um beijinho
Eduarda
Be in ♥ love

C. disse...

Abraço-te,
esteve mm quase quase para ser uma despedida mas parece que não foi desta...
Volto hoje passado algum tempo mas ainda sem inspiração. Talvez o amanhã traga a resolução ao imbroglio que assola o meu pensamento.:)

Um sorriso e um abraço*

C. disse...

Eduarda,
Antes de mais, obrigada e bem-vinda!
É verdade que podia... mas no fundo vou acreditando que tudo tem uma razão de ser!:)

Beijinho*

# Gabriela disse...

Adorei *.*

Abraço-te disse...

Força...
e aqui vai o sinal de força :
http://abraco-te.blogspot.com/2009/11/entre-os-ramos-ii_08.html
Abraço-te

C. disse...

Gabriela,
bem vinda e muito obrigada:)

**